skip to Main Content
FIAT 500
Cidadão Italiano

Cidadão Italiano

O incrível Fiat 500: uma lenda italiana

Um dos maiores símbolos da Itália, o Fiat 500 é, com seus recém 60 anos completos, ainda um automóvel surpreendente. Não à toa, é conhecido em todos os cantos do mundo como um símbolo do Made in Italy.

O carro também representa a síntese de um país inteiro, um país que após a Segunda Guerra Mundial conseguiu relançar-se com poucos recursos e retomar o crescimento econômico.

O Fiat 500 é um símbolo desse famoso milagre econômico dos anos 50 e 60, quando os italianos olhavam para o futuro com otimismo, mesmo depois da terrível tragédia da Segunda Guerra Mundial.

Obs: Caso você venha fazer o seu processo de cidadania italiana conosco, irá encontrar inúmeros deles nas ruas italianas.

Nascimento do Fiat 500

Após o sucesso parcial dos modelos Balilla e Topolino, a Fiat procurava o modelo perfeito, pequeno em tamanho e adequado ao portfólio e às necessidades dos italianos.

Foi Dante Giacosa, chefe do escritório técnico da Fiat, quem apresentou o então chamado projeto 110.

O incrível Fiat 500: uma lenda italiana 1 O incrível Fiat 500: uma lenda italiana
O então primeiro modelo do Fiat 500, chamado de projeto 110
Fonte: it.wikipedia.org

O projeto que foi o herdeiro do Topolino e possuía um chassi semelhante ao Fiat 600 que estava prestes a nascer.

O então projeto 110 foi equipado de acordo com o projeto original, com um cilindro bimotor de quatro tempos de 0,5 litro com refrigeração a ar e tração traseira.

Até mesmo a parte do corpo foi completamente revisada por Giacosa porque ele queria satisfazer 100% os pedidos de Vittorio Valletta.

Assim nasceram duas versões que depois se tornaram o Fiat Nuova 500 e o Autobianchi Bianchina, aprovadas em 18 de outubro de 1955.

O que apaixonou Vittorio Valletta foram as linhas arredondadas e simples dos dois projetos, mas também o consumo de apenas 4,5 litros de combustível por 100 km, o espaço capaz de acomodar pelo menos 2 pessoas e pesando pouco mais de 400 kg.

Fiat 500: a estréia e os primeiros problemas

O incrível Fiat 500: uma lenda italiana 2 O incrível Fiat 500: uma lenda italiana
Parte interna do Fiat 500
Fonte: aisastoryauto.it

O Fiat Nuova 500 fez sua estréia em julho de 1957. Ele tinha um motor de baixo consumo de 479 cc e 13 cv, um peso de 470 kg e um comprimento de apenas 2,97 metros.

A aparência era realmente simples e minimalista, mas não o preço de 465.00 Liras era realmente demais para um carro onde a instrumentação a bordo era muito pequena com o conforto um tanto quanto reduzido.

Depois de apenas três meses, a Fiat decidiu ajustar a lista de preços com duas versões diferentes: uma normal e outra econômica.

O Fiat 500 normal passou então a custar 490.000 Liras e teve acabamentos mais refinados.

Já a versão econômica contou apenas com a adição de 2 bancos traseiros e partia de um preço de 440.000 Liras.

Da versão esportiva para o Fiat 500R

O incrível Fiat 500: uma lenda italiana 3 O incrível Fiat 500: uma lenda italiana
Fiat 500F
Fonte: it.wikipedia.org

Outra ideia da Fiat foi produzir uma versão esportiva do 500. Isso aconteceu em 1958 com o nascimento do Fiat 500 Sport, que tinha um motor com 21 hp e velocidade máxima de 105 km/h e estava disponível com um teto tradicional ou com teto solar.

O sucesso do pequeno Fiat leva a empresa sediada em Turim a lançar novos modelos ao longo dos anos.

Em 1960, o Fiat 500D nasceu com um motor de 17,5 cv, velocidade máxima de 95 km / he um consumo de 4,8 litros por 100 km.

Os engenheiros também fizeram pequenas alterações nos faróis devido a mudanças no Código da Estrada. Em 1965, o 500F chega com um motor de consumo ligeiramente superior.

O sucesso do 500F foi um trampolim para o lançamento do Fiat 500L (Luxo). Ele tinha a mesma mecânica do 500F, mas com pequenos detalhes estéticos, como os perfis cromados ou o novo logotipo.

Os interiores eram completamente novos com instrumentação retangular (em vez da clássica circular) e revestimentos de material sintético.

Finalmente, em 1972, nasceu o Fiat 500 R, uma tentativa extrema de manter vivo um modelo histórico, mas começou a declinar.

Ele tinha um motor de 18 hp e 594 cc, derivado do Fiat 126. Depois de uma boa venda de 2.677.313 carros, em 1975 chegou a hora da aposentadoria do Fiat 500 R.

Fiat 500: o renascimento em 2007

O incrível Fiat 500: uma lenda italiana 4 O incrível Fiat 500: uma lenda italiana

O lendário Fiat 500 renasceu em 2007, precisamente no dia 4 de julho, como uma comemoração em homenagem aos seus 50 anos de vida.

O destino do Fiat 500 apresentado em 2007 é completamente diferente e mais moderno e, depois de 10 anos, ele ainda representa o carro mais vendido da Fiat no mundo.

Plus: Veja a história em vídeo

Nós localizamos um vídeo em espanhol que resume muito bem a história que contamos, aproveite:

E você, já andou em um Fiat 500? Já teve um? O que acha do carro? Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos a história desse clássico italiano de todos os tempos!

Back To Top

Fique tranquilo. Você poderá cancelar sua assinatura de e-mails a qualquer momento. Também odiamos SPAM!

Assine nossa lista de

Fique por dentro das últimas novidades do incrível mundo da cidadania italiana e receba ofertas e notícias em primeira mão!

Ainda em dúvida?

Fale conosco via Skype e tire todas elas!

Send this to a friend